sexta-feira, 1 de agosto de 2014

Património construído - Estoi

Estoi é uma localidade portuguesa do concelho de Faro, com 46,59 km² de área e 3 652 habitantes (2011).




 
 

quinta-feira, 30 de maio de 2013

Património - Noras e Engenhos em Estoi


 
Os Muçulmanos desenvolveram e introduziram técnicas hidráulicas, misturando e aperfeiçoando as técnicas trazidas pelos romanos e visigodos com as que trouxeram do oriente. Assim ao longo dos rios construíram moinhos e azenhas. Nas hortas e pomares introduziram a nora, a cegonha ou a picota para poderem tirar água dos poços.
As noras de tirar água foram introduzidas pelos Árabes e são instrumentos fixos e circulares usados para captar a água do subsolo para, posteriormente, ela ser utilizada nas culturas de regadio. Caiadas de branco e compostas por uma roda que faz mover a corda, ou cadeia metálica, a que estão presos alcatruzes – baldes que transportam a água - as noras mouriscas conduziam a água às partes mais elevadas dos terrenos cultivados.
Inicialmente, eram acionadas por mulas, burros ou machos que se deslocavam de olhos vendados num movimento circular à volta do engenho, mais tarde adaptados a motores a gasóleo.
As noras existentes no Algarve têm quase todas, um funcionamento idêntico, mas apresentam modelos diversos consoante as regiões. Em Estoi existem ainda, em propriedade privada, muitas destas noras de diversos estruturas, conforme se podem verificar na estrada entre Estoi e Faro.
 
Texto de Teixeira, C. in tese de PG UNL-2002

quarta-feira, 15 de maio de 2013

quarta-feira, 30 de junho de 2010

Concurso de Fotografia "Estoi - A Nossa Aldeia"

Regulamento

Enquadramento

O Concurso de Fotografia “Estoi – A Nossa Aldeia” é uma iniciativa promovida pela Casa do Povo De Estoi, associação sem fins lucrativos de utilidade pública da Freguesia de Estoi, no âmbito das comemorações do terceiro aniversário de reinauguração da Sede, em 29 de Julho de 2010.
A freguesia de Estoi tem uma enorme variedade de cenários com valor histórico-cultural que não podemos perder nem deixar esquecer. Assim, através da fotografia enquanto forma de expressão artística dinâmica e multifacetada, pretendemos dinamizar a descoberta de Estoi, uma terra que guarda “pequenas/grandes” obras de arte: as ruínas, o palácio, as capelas, a igreja, os montes, os jardins, as pessoas…


Art.° Primeiro
(Participantes)

a) O concurso é aberto a participantes individuais portugueses ou estrangeiros a residir em Portugal.
b) Aos membros do júri é vedada a participação bem como aos seus familiares directos.


Art.° Segundo
(Tema)

No concurso “Estoi – A Nossa Aldeia” todas as fotografias terão de estar, obrigatoriamente, relacionadas com a Freguesia de Estoi.


Art.° Terceiro
(Trabalhos)

a) Os trabalhos poderão ser a cores e/ou a preto e branco.
b) Poderão ser apresentados até três trabalhos por pessoa.
c) Os trabalhos deverão ser apresentados em suporte de papel com formatos compreendidos entre 15x20 e 30x40.
d) Os trabalhos deverão ser entregues em sobrescrito fechado. No exterior figurará apenas o pseudónimo do concorrente. As fotografias a concurso no verso terão, em letra legível, o título do trabalho, o pseudónimo e a indicação do local de recolha da imagem.
e) Juntamente com os trabalhos, deverá ser entregue um outro sobrescrito fechado e assinado sob o mesmo pseudónimo, contendo a identificação e os contactos do concorrente e os trabalhos em formato digital.


Art.° Quarto
(Prazo de entrega)

a) Os trabalhos poderão ser entregues em mão na Sede da Casa do Povo de Estoi ou enviados pelo correio, sob registo, até 26 de Julho de 2010, para: Casa do Povo de Estoi, Rua de Faro, nº 22, 8005-463 Estoi.
b) As fotografias remetidas por via postal só serão consideradas a concurso se tiverem como data limite do carimbo dos correios o dia 26 de Julho de 2010.


Art.° Quinto
(Júri)

a) As fotografias serão apreciadas por um júri a definir, o qual deliberará até dia 30 de Julho.
b) O Júri reserva-se o direito de não atribuir prémios se a falta de qualidade dos trabalhos o justificar e atribuir prémios ex-aequo.
c) Do resultado do concurso o Júri lavrará a competente acta fundamentada, que será assinada por todos os seus membros.
d) Da decisão do Júri cabe reclamação.
e) Os casos omissos neste regulamento serão resolvidos por deliberação do júri, de acordo com a Lei especifica.
f) A decisão do júri é final e irrevogável não cabendo recurso.


Art.° Sexto

(Prémios)
a) Os prémios serão entregues em cerimónia comemorativa da reinauguração da Casa do Povo de Estoi, em 31 de Julho de 2010, no Salão Nobre da mesma, na presença do Júri do concurso.
b) Serão seleccionados os melhores trabalhos para participar numa exposição que decorrerá nas instalações da Sede da Casa do Povo de Estoi, a partir de 02 de Agosto de 2010.
d) Os resultados serão comunicados e afixados na Sede da Casa do Povo de Estoi no dia 31 de Julho de 2010.
6.3. Todos os concorrentes receberão um certificado de participação.


Art.° Sétimo
(Divulgação)

a) Os trabalhos premiados seleccionados pelo júri, serão divulgados através do nosso blog e facebook e expostos nas nossas instalações.
b) Regulamento disponível em cpestoi.blogspot.com.
c) Os concorrentes premiados serão avisados através de notificação à morada.



Art.° Oitavo
(Disposições finais)

a) A organização reserva-se o direito de expor, publicar ou reproduzir quaisquer dos trabalhos premiados e não premiados, salvaguardando sempre a indicação do autor.
b) Os trabalhos apresentados a concurso revertem para o acervo da Casa do Povo de Estoi.
c) A apresentação dos trabalhos pressupõe a plena aceitação do presente regulamento.


Art.° Nono
(Diversos)

a) Serão admitidos a concurso os trabalhos que respeitem o presente regulamento.
b) Os casos omissos neste Regulamento serão resolvidos por deliberação do júri do concurso de acordo com a Lei especifica.
c) Eventuais esclarecimentos devem ser solicitados a: Casa do povo de Estoi.

sexta-feira, 13 de março de 2009

Prof. Amilcar Quaresma

Talvez tentando esquecer….
…. a inexorável passagem do tempo e a inevitável morte dos que nos são queridos.
Só hoje tivemos coragem de expressar os nossos sentimentos pelo falecimento do Prof. Amílcar Quaresma.
Aos familiares e amigos as nossas condolências.

Em boa hora a Direcção da Casa do Povo percebeu a dimensão humana e cultural deste homem que dedicou a sua vida à cultura e à juventude desta Aldeia de Estoi.

Todos nós devemos algo ao Professor:
Lições de Democracia;
… Associativismo;
… Jornalismo;
… Teatro;
…. Cultura;
…. Humanismo.



Que a nossa memória preserve a imagem de um homem que dedicou a sua vida a por em prática os seus ideais.

terça-feira, 17 de fevereiro de 2009

Bodas de Diamante da Casa do Povo de Estoi.

Carnaval 2009.

A Casa do Povo de Estoi organiza e promove:

  • dia 21 de Fevereiro - Baile de Carnaval com o músico António Morais;

  • dia 23 de Fevereiro - Baile de Carnaval e Concurso de Máscaras com a artista Vera Mónica;

sexta-feira, 24 de outubro de 2008

quarta-feira, 9 de abril de 2008

segunda-feira, 24 de março de 2008

Blog da Casa do Povo de Estoi


Este Blog foi criado para que seja simples a participação e a divulgação de assuntos relativos à Casa do Povo de Estoi.


Bem vindos!